Su & Je

As aventuras de uma família de imigrantes vivendo no Canadá

Archive for março \23\UTC 2010

Insanidade ou fé ?

Posted by Jeison em 23 de março de 2010

Bom,

Antes de falar do titulo diferente, preciso e devo me desculpar pelo sumiço, mas vocês já vão entender o porque !

Bom, nossos exames chegaram em Trindad & Tobago no dia 11, e nossa esperança é que os pedidos de passaporte cheguem esta semana ainda.

Bom, eu disse que tinha novidades, então vamos a elas:

Minha tia, irmã do meu pai, tinha milhas da TAM, que estavam a poucos dias de expirar, soubemos disso pouco depois de realizar os exames. A princípio, poderíamos pegar duas passagens até New York, e compraríamos apenas a da Rebecca, e de lá pegaríamos um outro voo até Montréal. Como não temos visto para os EUA, fui me informar dos procedimentos para a emissão do visto de trânsito apenas. Além da demora de 40 dias para se conseguir uma entrevista no consulado, ainda teríamos que provar vínculos com o Brasil e fundos. Impossível para nós, pois a Susana não é registrada e eu sou autônomo. além do precinho camarada que eles praticam, os três vistos, se saíssem seria em torno de 750 reais os três. Após essa opção totalmente descartada e eu já triste por ter perdido uma ótima oportunidade de economizar, quando deu o estalo, e se pegássemos um destino TAM que não os EUA ? Bom, pesquisei pesquisei e conversando com a Susana, decidimos que seria uma boa opção ir pela Argentina, pois não precisa de visto pra Brasileiros, e andei pesquisando, o segundo trecho, Buenos-Aires => Montréal, que será feito via Air Canadá, sai metade do preço a passagem só de ida. Parênteses, não sei porque só aqui nessa M**da de Brasil que a passagem só de ida é mais cara que a de ida e volta.  Em todos os outros países que pesquisei, a passagem só de ida é metade do preço da de ida e volta, fecha parênteses. Retomando, demos sinal verde para minha tia, e as passagens até Buenos Aires estão compradas, para última semana de Abril. Nos planejamos para ficar 3 noites lá, passeando e aproveitando a oportunidade ímpar de conhecer esta cidade, e depois embarcaremos rumo ao nosso novo lar.

Calma, você que nos acompanha, não se preocupe, não precisa reler, pois não perderam nada, sei que está notando que ficou uma lacuna nessa história toda, cadê os benditos vistos ??  Pois é amigos, ai que começa o nosso título de hoje ! É, estamos contando com o ovo na barriga da galinha, como minha mãe diria, comprar passagem sem o visto ainda, e pra piorar, numa data tão próxima !!!  A data próxima tem alguns motivos, entre eles, é a melhor época para se chegar por lá, antes das férias de verão, quando as empresas ainda estão contratando, antes de 1º de julho, que é o dia quebecoise da mudança, já temos um apê pros três primeiros meses, e quanto mais demorarmos pra ir, estaremos pagando pra ficar com o apê fechado. Enfim, juntou nossa vontade de ir com os motivos para justificar nossa ida o quanto antes. Hoje temos pouco mais de 4 semanas antes do nosso pseudo embarque, não recebemos ainda o nosso pedido de passaportes, já temos o primeiro trecho (SP -> Baires) comprado e reserva de hotel em Baires. Pra diminuir um pouco a insanidade, deixamos pra comprar as passagens da AirCanada somente quando recebermos os pedidos de passaporte.

Mas tenho acompanhado os fóruns de imigração, timelines de colegas, e se (notem, eu disse “se”) o nosso processo seguir o mesmo ritmo da grande maioria das pessoas, dará tempo de pegarmos os vistos e embarcarmos sem maiores preocupações. (notem também, esta é a parte da fé!)

Bom, prefiro deixar os “se” na mão Dele e não pensar mais nisso, o circo já está armado e a coisa já está feita… No pior dos casos, teremos que pagar a remarcação do primeiro trecho.

Bom, agora vamos a a outras considerações para quem quiser nos seguir…

Neste roteiro que bolamos, sai bem mais barato que ir direto daqui até o Canadá, mas tem alguns poréns, que pra gente não foi um grande problema, mas dependendo da família pode ser sim.

Um deles é o limite de bagagem, como o primeiro trecho e o segundo são independentes, eles não compartilham a mesma franquia de bagagem. No trecho SP->Baires operado pela TAM, por ser dentro da américa do sul, o limite é uma mala de 23 kilos por passageiro, mas uma mala de mão de até 5 kilos, sim, só isso… No trecho Baires->Montréal, o limite já muda para duas malas de 30 kilos e mais uma de mão de até 10 kilos. Por sorte minha, a Susana é muuuuuuuuuuuito econômica e não temos manias de comprar muitas roupas, sapatos, bolsas, etc… E pelo simulado que fiz, as três malas de 23 kilos darão para levarmos nossas coisas até Buenos Aires, talvez nem tudo que eu gostaria de levar, mas com certeza tudo que precisamos. Lá acabaremos comprando algumas roupas, já que lá é barato e nossa moeda é bem valorizada perante o peso argentino, e como o segundo trecho tem mais franquia, não teremos problemas também.

Bom, além deste porém, que na minha opinião é o mais crítico, o voo 93 da Air Canadá ainda faz uma paradinha de 1 hora em Santiago do Chile para pegar mais passageiros, devendo chegar em Toronto apenas após 14 horas de voo. Mas valerá a pena pelo passeio de 3 dias.

Bom, é isso…

Esses dias tem sido bem corridos, tanto no trabalho, que tem sido bem puxado, quando nos preparativos, despedidas de amigos, essa semana mais um casal amigo nosso estará partindo, semana que vem outro casal, e logo logo seremos nós !!!

Carteiro, traz logo nossos pedidos de passaporte, por favor, diz que sim, vai !!!

Essa semana que passou e esta que começou, tem tido bastante noticias de pessoas recebendo pedidos de passaportes e vistos. Tenham fé junto conosco, e torçam para nossa insanidade dar certo !!!

QQuer novidade eu aviso !!!

Ah !!!  Quem tiver dicas de passeios baratos, e que dê pra levar uma criança de 2,5 anos em Buenos Aires, por favor, nos mande por e-mail, estamos tentando montar nosso roteirinho de 3 dias.

Abraços e à bientôt !!!

Anúncios

Posted in Canadá | Etiquetado: , | 5 Comments »

Exames médicos realizados

Posted by Jeison em 4 de março de 2010

É isso ai,

Acabo de voltar do Lavoisier da angélica. Resolvemos ir hoje (estava marcado para amanhã no final do dia) pois estamos precisando acelerar a emissão do visto (em um outro post eu explico porque, novidades pela frente…).

Chegamos na porta do laboratório as 5:50, e ficamos esperando abrir, eramos os segundos da fila, a Susana fez a ficha muito rápido e já foi indo tirar sangue e fazer o raio-x, a minha atendente era uma lesma, como eu dou sorte com caixas de banco, supermercado e atendentes em geral, acho que são escolhidos a dedo para mim !!! Aff… Resumo, a mulher ligou lá pro convênio, e demorou, e depois disse que o exame de raio-x tava na carência ainda (como pode, um exame tão barato e simples??) e teria que ser particular (- R$ 32,00), tudo bem, fazer oque ? Tinha que fazer o exame… O incrível é que a Susana que é minha dependete no convênio, não teve que pagar nada… vai entender !!
O importante é que os exames foram realizados, nos deram prazo para 08 de Março para os resultados, mas estou com fé que até amanhã estejam prontos, a noite confiro na internet, e se estiverem mesmo, vou correndo lá retirar e entregar no consultório do médico, com sorte estes exames podem partir amanhã mesmo para T&T (*), vamos torcer…

Depois de passar por T&T, é emitido um laudo para o Consulado Geral do Canadá, aqui em SP, que irá solicitar nossos passaportes para a emissão dos vistos de residentes permanete.

É isso ai meu povo !!! Tá chegando a hora, nossos amigos já partem agora neste mês e outros um pouco mais para frente, em breve estaremos todos lá tentando a vida…

Em breve mais novidades

À bientôt

(*) T&T = Trinidad & Tobago, local escolhido pelo governo canadense para validar os exames médicos de toda américa latina.

Posted in Canadá, Jeison | Etiquetado: , , , | 6 Comments »

Abrindo conta no banco – HSBC Ultima Parte

Posted by Jeison em 3 de março de 2010

Olá amigos, conseguimos concluir o processo de abertura da conta HSBC Premier Brasil-Canadá

Para quem não se lembra, havíamos dado entrada nos papeis do HSBC em Dezembro de 2009, e em Janeiro recebemos os cartões Brasileiros e começo de Fevereiro os cartões e cheques Canadenses. Pata quem quiser rever clique aqui.
Mas ainda faltava cadastrar a senha da conta Canadense e configura-la no Global View. E este sábado que passou, resolvi enfrentar meus medos e fazer a ligação para o Canadá e pegar as senhas…

Era Sábado de manhã, eu iria ligar para um banco no Canadá. Epa, banco, sábado ?? Pensei, bom, sou Premier agora, deve ter alguém para atender… Liguei para o numero que recebemos na cartinha com o numero da conta e fui atendido pela máquina. Disque 1 pra isso, 2 pra quilo, e fui seguindo, até que a mensagem diz que vai transferir para o atendente para a obtenção do PIN, que é a nossa senha. Até ai, beleza, meu inglês enferrujado tava funcionando muito bem, mas na hora que caiu no atendente, mãmãe !! De onde saiu aquele sotaque ??? Eu acho que o cara era indiano, não é possível !! Nas preliminares até que foi, apesar de já fazer um ano que eu não falava em inglês, parei para me dedicar ao francês, mas até que entendi o que o cara perguntava e fui respondendo, na hora que ele perguntou o telefone eu travei !!! Pô, eu sei o numero em português, na hora que eu ia falar em inglês, não saia gaguejava, enroscava e não saia nada que prestasse… Tive que escrever o numero e ler em inglês para conseguir responder a pergunta… De cabeça, sem chance !!! Aff, pronto, sufoco 1 superado, respondi mais algumas perguntas e ele me pergunta algo que eu não fazia a menor ideia do que ele tinha dito, então disse que não entendi, ele repetiu e eu continuava sem entender, na quarta tentativa, ele perguntou se eu não preferiria ser atendido em francês, e eu disse que não sabia se isso ajudaria (Afinal, o meu maior problema era o sotaque dele, imagina aquele sotaque em francês, ai que não sairíamos do lugar), ai ele falou em inglês mesmo, mas quase que soletrando, ai eu entendi, ele dizia: Date of Birth, mas eu juro que ele disse tudo menos isso !!! Enfim, ai ele me deu o numero PIN provisório e disse que me transferiria novamente para o auto-atendimento para que eu trocasse a senha. Deu mais algumas informações e me transferiu. Eu ainda tive que ligar denovo, pois a máquina ficou meia doida e não reconhecia os numeros que eu teclava… Mas o importante é que consegui trocar a senha e ficou tudo certo. Ahhh, teve uma outra palavra que ele falou que eu não entendi, mas ai era por falta de vocabulário mesmo, não lembro a palavra, mas ele falou de outro modo e eu saquei que ele queria saber o meu saldo na conta.

Imediatamente, me conectei no site do HSBC.ca e fui conferir meu acesso !! Yuppi !! tudo funcionando… Fui então no Global View, e configurei a conta lá, não tem muito segredo não, ele te mostra o teu pais, e tem um botão, adicionar território, ai é só ir seguindo os passos que ele vai te mostrando e no final, você consegue ver as suas duas contas na mesma tela.

Bom, eu não resisti, e fui fazer uma transferência pequena de valores, só de teste mesmo, mas recebi a mensagem que não era um dia que tem cambio… Dããããã… Era obvio, sábado não dá !!! 😛

Mas na segunda mesmo eu realizei a operação, e foi um sucesso !!! Ele te mostra uma estimativa de quanto será a conversão, e uma mensagem dizendo que o câmbio pode não ser aquele. O dinheiro cai em poucos segundos do outro lado, e já pude conferir que ele utilizou uma taxa um pouquinho pior do que a que tinha aparecido na tela anterior, mas a diferença foi mínima e teve variação de centavos apenas.
A taxa final foi de CAD $ 1,00 => BRL $ 1,7688 o que é quase o cambio oficial do banco central, que era de 1,72701 no final do dia. Nas casas de cambio, para compra de travellers cheque ou papel moeda, a taxa seria de 1,83. Para essa transferência, além do excelente cambio utilizado, temos a vantagem de não pagar nenhuma taxa por essa remessa e pagamos apenas IOF e nada mais !!
Muito bom, fiquei muito satisfeito, ainda mais pela facilidade, é quase um drag and drop e o dinheiro está lá do outro lado !! Uma maravilha !!!

Só preciso checar se nos ATM’s daqui consigo tirar um extrato impresso para poder mostrar na aduana do Canadá.

Bom, é isso… Recomendo fortemente a leitura do bog da Carol e Luciano, que neste post eles explicam muito bem o passo a passo para a configuração do GlobalView, eu me baseei por eles e deu tudo certo !!!

Ps.: Não coloquei prints de telas dessa ultima parte, por questões de segurança e privacidade, mas quem quiser mais algum detalhe, é só me mandar um e-mail que tentarei ajudar da melhor forma possível !!!

Ps2.: Ainda não tive tempo de responder um a um quem me deixou mensagem, mas todas foram lidas e serão respondidas, fiquei muito feliz de receber todo esse carinho !! Merci beaucoup à toutes vous

À bientôt

Posted in Canadá, Jeison, Utilidades | Etiquetado: , , , | 6 Comments »